Bota na Mesa: Ciclo 1 - Plano de trabalho

Formação com organizações de agricultura familiar 20/04/2016
COMPARTILHE

No primeiro ciclo do Bota na Mesa, que teve início no segundo semestre de 2015 e se estende até o segundo semestre de 2016, a principal frente de trabalho é a de formação. A condução dos trabalhos se dará junto a 10 organizações da agricultura familiar situadas na cidade de São Paulo e em regiões do entorno. 

A partir de três encontros formativos com cada organização, o GVces espera contribuir com um papel articulador, promovendo diálogo e interação entre os agricultores familiares, construindo coletivamente boas práticas de relacionamento e fomentando a cultura da cooperação.  Além disso, espera-se que ao longo do ciclo cada organização construa um plano de ação que enderece os principais gargalos e oportunidades identificadas nos encontros, ampliando o acesso a mercados e melhorando as práticas internas de gestão. 

Ainda na frente de formação, a equipe do GVces fará visitas técnicas para acompanhamento dos trabalhos e alinhamento de expectativas. E também, dois encontros integradores entre os representantes das dez organizações e os canais de comercialização, a fim de ampliar as conversas e discussões, trocar experiências e aproximar os atores que se situam nas pontas da cadeia de valor: os agricultores familiares e os principais compradores.