Fortalecendo a Implementação da Política Climática Nacional: Aprendizado Empírico Comparativo e Criação de Vínculo com o Financiamento Climático (IKI-SNAPFI)

03/10/2019
COMPARTILHE

Coordenado pelo Instituto Alemão de Pesquisa Econômica (DIW Berlim), o consórcio do projeto “Fortalecendo a Implementação da Política Climática: Aprendizado Empírico Comparativo e Criação de Vínculo com o Financiamento Climático” se reuniu pela primeira vez em Berlim, na Alemanha, entre os dias 18 e 20 de setembro de 2019, para discutir como o financiamento climático internacional pode contribuir para a implementação das NDCs nos países parceiros e globalmente.

No primeiro ano, será realizado um estudo transversal internacional, apoiado pela Vivid Economics e pelo New Climate Institute, com foco na interação entre finanças climáticas internacionais e implementação das políticas nacionais. Em paralelo, cinco estudos nacionais investigarão questões específicas relacionadas à interface entre finanças e políticas. O FGVces, do Brasil, analisará investimentos em infraestrutura verde. Na Índia, o TERI se focará na descarbonização da indústria, enquanto o Centro de Pesquisa Energética da Universidade da Cidade do Cabo, na África do Sul, analisará a descarbonização do setor elétrico. Na Indonésia, o Centro de Mudanças Climáticas do Institut Teknologi Bandung avaliará a governança relacionada à implementação da NDC. Além disso, o IKEM conduzirá um estudo sobre a Europa, com apoio do DIW Econ, analisando como os múltiplos níveis de governança da União Europeia estão estruturados para desembolsar recursos europeus para os Estados Membros da Europa Oriental, bem como quais lições podem ser aprendidas a partir do desembolso de fundos financeiros climáticos. Por fim, a Climate Strategies será responsável por um amplo processo de revisão de forma a assegurar a qualidade dos estudos.

O projeto é financiado pela “International Climate initiative” (IKI) do Ministério do Meio Ambiente alemão e se estenderá até 2023. No workshop, o consórcio teve a oportunidade de dialogar com membros do Ministério e com a RENAC, outro projeto de finanças climáticas da IKI.