GVces apresenta resultados de 2014 do projeto Tendências em Serviços Ecossistêmicos (TeSE)

O projeto desenvolveu uma ferramenta e diretrizes para que as empresas mensurem e relatem seus impactos em oito serviços ecossistêmicos: provisão de água e de biomassa combustível; regulação de clima, qualidade da água, polinização, erosão do solo e assimilação de efluentes; recreação e turismo   14/05/2015
COMPARTILHE

 

O Centro de Estudos em Sustentabilidade da FGV/EAESP (GVces) em parceria com o Ministério Federal do Meio Ambiente, Proteção da Natureza, Construção e Segurança Nuclear da República Federal da Alemanha, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e o Ministério do Meio Ambiente (MMA) apresentará na sexta-feira (15), a partir das 8h30, na sede da FGV, os resultados e as experiências da primeira edição do projeto Tendências em Serviços Ecossistêmicos (TeSE).

A TeSE desenvolveu ao longo do ano passado uma ferramenta que mensura impactos, dependências, riscos e oportunidades das empresas em relação ao capital natural, bem como diretrizes empresariais para Valoração Econômica de Serviços Ecossistêmicos e para Relato de Externalidades Ambientais. Dessa forma, é possível avaliar os oito serviços ecossistêmicos trabalhados pelo projeto: provisão de água e de biomassa combustível; regulação de clima, qualidade da água, polinização, erosão do solo e assimilação de efluentes; recreação e turismo. O cálculo que serve de base para a avaliação e tomada de decisão tem como unidade comum a moeda corrente nacional, em Reais.

Para Natalia Lutti Hummel, responsável pelo projeto, “permitir que empresas e outras organizações possam calcular sua dependência e seus impactos relacionados aos bens naturais é o primeiro grande passo para a gestão mais efetiva e responsável do meio ambiente, visando não somente a manutenção da qualidade do meio ambiente, mas também a perpetuação e o sucesso do seu negócios.”

 

As Diretrizes Empresariais para Valoração de Serviços Ecossistêmicos (DEVESE) foram aplicadas por 10 empresas e essas experiências tornaram-se estudos de caso. Entre eles, os doWalmart, Centroflora e Bunge Brasil serão apresentados durante o evento. Vale ressaltar que o evento é gratuito. Para se inscrever basta entrar no link:

http://186.202.166.152/ces/htdocs/index.php?r=eventos/confirmacao&id=1250

Confira a programação

8h30

Credenciamento

9h

Abertura

Mário Monzoni - GVces

Carlos Scaramuzza – MMA

Shelley Carneiro – CNI

Tomas Inhetvin - GIZ

9h40

A importância de instrumentos para a valoração de SEs

Prof. Dr. Jorge Madeira Nogueira (UnB)

10h20

Café

11h

Roda de conversas: Experiências empresariais em contabilização e valoração de SE

Tatiana Trevisan, Walmart

Paula Moura Barbosa, Centroflora

Rodrigo Spuri, Bunge Brasil

11h45

Enceramento

 

Data: 15/5/2015

Horário: 8h30-12h 

Local: FGV/EAESP – Rua Itapeva, 432 – Sala Itaú.

Para mais informações acesse www.fgv.br/ces

Sobre o GVces

Fundado em 2003, o Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVces) da Escola de Administração de Empresas da Fundação Getulio Vargas (FGV-EAESP) é um espaço aberto de estudo, aprendizado, reflexão, inovação e de produção de conhecimento, composto por pessoas de formação multidisciplinar, engajadas e comprometidas, e com genuína vontade de transformar a sociedade . O Centro atua na formulação e acompanhamento de políticas públicas, na construção de instrumentos de autorregulação e no desenvolvimento de estratégias e ferramentas de gestão empresarial para a sustentabilidade, nos âmbitos local, regional, nacional e internacional. Sua missão consiste em expandir de forma colaborativa as fronteiras do conhecimento, contribuindo para um desenvolvimento sustentável nos setores público e privado.

Sobre a FGV-EAESP

Criada em 1954, a Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV-EAESP) foi a primeira escola de administração fundada na América Latina e mantém uma longa tradição na formação de líderes nas áreas empresarial, governamental e acadêmica. Conhecida como um dos centros acadêmicos de maior prestígio nas disciplinas de Negócios e Administração Pública, a Escola se caracteriza pelo constante desenvolvimento de pesquisas e estudos pioneiros e pela vanguarda do conhecimento aplicado, divulgados em publicações e projetos realizados em seus diversos Centros de Pesquisas. Nos últimos anos, vários programas de seu portfólio de cursos foram listados em diversos rankings nacionais e internacionais. A FGV-EAESP se destaca como a Melhor Escola de Negócios no Brasil, com nota máxima na avaliação do MEC e como a primeira instituição da América Latina e uma das poucas no mundo a obter a tríplice acreditação internacional de qualidade de ensino, que inclui o reconhecimento das seguintes agências: AACSB, EFMD e AMBA.

 

Informações para a imprensa:

Insight Comunicação – Tel.: (11) 3284-6147 
Luana Magalhães - luana.magalhaes@insightnet.com.br 
Gisele Ribeiro – gisele.ribeiro@insightnet.com.br 
Hanna Zamboni – hanna.zamboni@insightnet.com.br