Publicação on-line e ferramenta auxiliarão setor empresarial na adaptação de seus negócios às mudanças climáticas

Evento de lançamento será no dia 10 de setembro, em São Paulo, e terá a participação de Carlos Klink, secretário de Mudanças Climáticas e Qualidade Ambiental do Ministério do Meio Ambiente 03/09/2015
COMPARTILHE

O GVces (Centro de Estudos em Sustentabilidade) da Escola de Administração de Empresas da Fundação Getúlio Vargas (FGV/EAESP) – em parceria com o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e a UKCIP/University of Oxford e o apoio da Embaixada Britânica – lança, em 10 de setembro na capital paulista, a publicação Adaptação às Mudanças Climáticas no Setor Empresarial e a versão 2.0 da Ferramenta para Elaboração de Estratégias Empresariais de Adaptação
 
Os dois lançamentos são resultados do trabalho desenvolvido pela Plataforma Empresas pelo Clima (EPC), iniciativa do GVces com 33 empresas participantes, e tem como objetivo motivar e articular lideranças empresariais brasileiras para a gestão estratégica das emissões de gases do efeito estufa e riscos climáticos. Desde 2013, a EPC tem trabalhado intensamente com o tema de adaptação às mudanças do clima, buscando suprir o crescente interesse do setor empresarial não só sobre os riscos que as mudanças climáticas representam para os negócios em suas esferas técnica, operacional e estratégica, mas também sobre possíveis oportunidades ainda pouco exploradas. 
 
O evento terá a participação de Carlos Klink, secretário de Mudanças Climáticas e Qualidade Ambiental do MMA (Ministério do Meio Ambiente); de Mario Monzoni, coordenador geral do GVces; de Roger Street, diretor da UKCIP  (United Kingdom Climate Impacts Programme) e de empresas membro da EPC que implantaram, em projeto piloto, a ferramenta para adaptação empresarial. 
 
Entendendo o impacto das mudanças climáticas no setor empresarial 
 
Com a “Ferramenta para Elaboração de Estratégias Empresariais de Adaptação”, as empresas e seus stakeholders podem entender melhor os impactos atuais e potenciais das mudanças climáticas em seus negócios e os riscos e as oportunidades que estes representam para suas unidades de negócios e cadeias produtivas. A partir desses dados, as lideranças são empoderadas e capazes de elaborar um plano de adaptação robusto como parte de uma estratégia empresarial. 
 
Cinco empresas brasileiras implementaram a ferramenta em projetos piloto: Braskem, CSN, Grupo Boticário, Grupo CCR e Suzano Papel e Celulose. Os casos estarão disponíveis para lideranças empresariais e interessados em geral na publicação on-line “Adaptação às Mudanças Climáticas no Setor Empresarial”, uma compilação de aprendizados e experiências registrados em 2014 e 2015. 
 
Um exemplo vem do Grupo Boticário, que produz e distribui produtos de higiene pessoal, de cosméticos e de perfumaria em 3.900 pontos de venda em 1.750 municípios brasileiros.  O aumento da frequência e intensidade das chuvas em algumas regiões do Brasil, como efeito das mudanças do clima, oferecem riscos diretos e indiretos à distribuição de produtos e acesso aos diferentes públicos, especialmente aos negócios que demandam alta capilaridade.
 
Por meio da ferramenta da EPC, o Grupo Boticário pode determinar os objetivos (minimizar os impactos negativos e identificar oportunidades durante a intensificação de chuva para pontos de venda em áreas críticas sujeitas a enchentes, inundações e alagamentos), analisar riscos e oportunidades climáticas, os desafios, os resultados intermediários e as lições aprendidas. Estes e os outros quatro casos empresariais serão apresentados no lançamento das duas ferramentas on-line da EPC. 
 
PROGRAMAÇÃO
  • Abertura e boas-vindas;
  • Lançamento;
  • Adaptação às Mudanças Climáticas no Setor Empresarial: panorama, desafios, avanços e experiências;
  • Casos das empresas que implementaram a ferramenta para elaboração de estratégias empresariais de adaptação: apresentação das empresas e debate;
  • Considerações finais;
  • Coquetel de encerramento. 
 
LANÇAMENTO
Publicação on-line “Adaptação às Mudanças Climáticas no Setor Empresarial” e versão 2.0 da “Ferramenta para Elaboração de Estratégicas Empresariais de Adaptação”
Quando: das 16h30 às 18h, em 10 de setembro (quinta-feira) 
Local: Sala Itaú da FGV-SP
Endereço: Av. Nove de Julho, 2.029
 
Sobre o GVces
Fundado em 2003, o Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVces) da Escola de Administração de Empresas da Fundação Getulio Vargas (FGV-EAESP) é um espaço aberto de estudo, aprendizado, reflexão, inovação e de produção de conhecimento, composto por pessoas de formação multidisciplinar, engajadas e comprometidas, e com genuína vontade de transformar a sociedade. O Centro atua na formulação e acompanhamento de políticas públicas, na construção de instrumentos de autorregulação e no desenvolvimento de estratégias e ferramentas de gestão empresarial para a sustentabilidade, nos âmbitos local, regional, nacional e internacional. Sua missão consiste em expandir de forma colaborativa as fronteiras do conhecimento, contribuindo para um desenvolvimento sustentável nos setores público e privado.
 
Informações para a imprensa:
Insight Comunicação – Tel.: (11) 3284-6147
Luana Magalhães – luana.magalhaes@insightnet.com.br